• Viver

Propósito


Você tem propósito? Sua empresa tem propósito? Essa é uma palavrinha que apareceu quase como mais um modismo no mundo dos negócios, e assumiu uma importância enorme. Para mim, é a “missão que deu certo”. Enquanto o conceito de missão da empresa ficou estigmatizado como “uma frase na parede, que ninguém leva a sério” (embora tivesse em Jack Welch um ferrenho defensor), hoje grande parte das pessoas toma decisões sobre trabalhar em uma empresa, comprar seus produtos, ou mesmo repercutir suas propostas de valor, levando em consideração o propósito que ela declara ter. O que mudou? Talvez a principal razão seja a importância que a prática do bem por parte das empresas passou a ter, com a ascensão de uma classe de cidadãos muito mais exigentes, conscientes, bem informados e ativos, em relação a alguns anos atrás. Mas o propósito também ganha importância, nesses tempos de mudanças aceleradas, porque planos estratégicos, antes tipicamente cobrindo períodos de 5 anos ou mais, agora podem ficar obsoletos em poucos meses. Sendo assim, a razão de existir da empresa, expressa em seu propósito, acaba norteando a tomada de decisões sobre os caminhos a seguir quando a estratégia definida já não serve mais para dar essas respostas.


3 visualizações